sexta-feira, 26 de abril de 2013

Poesia... Liberdade???


*Natureza vs Liberdade...

As nuvens cruzam-se no céu
vão e vêm com o tempo
A Lua nasce no meio da noite
em fases está ou não está
 
 O Sol a sua luz ao dia dá
brilha sem pedir e aquece
O pássaro faz seu ninho
quando vem a primavera
A flor abre-se em botão
jogada a semente à terra
na seara o trigo cresce
O fruto na árvore amadurece
sem nunca licença pedir
A chuva cai brandinha cai
logo a terra amolece
Tudo na natureza vem e vai
tudo nasce e cresce sem pedir...

Nesta liberdade tão natural
há uma viagem prometedora
no mundo vegetal e animal
nascer, crescer, viver e morrer
nisso a natureza é cumpridora
impôe-se no seu mais querer
lutando p'la sobrevivência
como o rio que corre p'ro mar
tamanhos obstáculos vencendo
dominando a mãe natureza
em tais impulsos de poder...

Enquanto isso, a acção humana
contingente, espontânea e reflectida
reduzindo-se, entra na teia da vida
nesse nível da mera representação
a tal liberdade humana contida
não possuindo liberdade de acção...
O que o homem quer, o que deseja
nunca é livre na sua deliberação
mesmo na meta dos seus esforços
na sua própria e constante realização...

Nesta liberdade condicionada
em desfrute de "status" social
numa contingência tão ilusória
a liberdade do tudo ou nada
sempre se vincula mais natural
nos anais de períodos da História...

Onde estás LIBERDADE???
Aguardo-te, até ao meu final..
.


de:aileda/adeliavaz
  

Foto: *Natureza vs Liberdade...

As nuvens cruzam-se no céu
vão e vêm com o tempo
A Lua nasce no meio da noite
em fases está ou não está
O Sol a sua luz ao dia dá
brilha sem pedir e aquece
O pássaro faz seu ninho
quando vem a primavera
A flor abre-se em botão
jogada a semente à terra
na seara o trigo cresce
O fruto na árvore amadurece
sem nunca licença pedir
A chuva cai brandinha cai
logo a terra amolece
Tudo na natureza vem e vai
tudo nasce e cresce sem pedir...

Nesta liberdade tão natural
há uma viagem prometedora
no mundo vegetal e animal
nascer, crescer, viver e morrer
nisso a natureza é cumpridora
impôe-se no seu mais querer
lutando p'la sobrevivência
como o rio que corre p'ro mar
tamanhos obstáculos vencendo
dominando a mãe natureza
em tais impulsos de poder...

Enquanto isso, a acção humana
contingente, espontânea e reflectida
reduzindo-se, entra na teia da vida
nesse nível da mera representação
a tal liberdade humana contida
não possuindo liberdade de acção...
O que o homem quer, o que deseja
nunca é livre na sua deliberação
mesmo na meta dos seus esforços
na sua própria e constante realização...

Nesta liberdade condicionada
em desfrute de "status" social
numa contingência tão ilusória
a liberdade do tudo ou nada
sempre se vincula mais natural
nos anais de períodos da História...

Onde estás LIBERDADE???
Aguardo-te, até ao meu final...

de:aileda/adeliavaz


(imagem da NET)







1 comentário:

consultorbodygenics.com disse...

Olá aileda passei para conhecer seu blog ele é muito maneiro com excelente conteúdo gostaria de lhe dar os parabéns e desejar muito sucesso em sua caminhada e objetivo no seu Hiper blog e que DEUS ilumine seus caminhos e de seus familiares
Um grande abraço e tudo de bom